PRIMEIRO PRAZER (DUBLADO / 1080P) – 2000

VIRGINS OF SHERWOOD FOREST – 2000
EUA
AVENTURA – COMÉDIA – ROMANCE
DIREÇÃO: Cybil Richards
ROTEIRO: Louise Monclair
IMDb: 3,7 https://www.imdb.com/title/tt0266000/

HDTVRIP 1080P – DUBLADO – CONTEÚDO ADULTO (+18)

Postado por Vagnernoron


Formato: M2TS
Qualidade:
HDTVRip 1080p (1920×1080)
Tamanho:
2,86 GB
Duração:
93 min.
Legendas:
S/L
Áudios:
Português
Servidores:
Google Drive, Dropapk (Partes únicas)
Uploader: Vagnernoron

NOTA DO UPLOADER: Tem comerciais.

FILME (GOOGLE DRIVE): PRIMEIRO PRAZER
FILME (DROPAPK): PRIMEIRO PRAZER
FILME (UPTOBOX): PRIMEIRO PRAZER

Roberta é uma diretora de filmes de baixo orçamento que lida com vários problemas no set de sua produção atual. Quando ela é acidentalmente atingida na cabeça, ela fica inconsciente e sonha em viver na floresta de Sherwood de Robin Hood.

Gabriella Hall … Roberta
Shannan Leigh … Nina / Serena
Amber Newman … Andrea / Juliet
Brian Heidik … Alvin / Robin Hood (as Dave Roth)

7 comentários para PRIMEIRO PRAZER (DUBLADO / 1080P) – 2000

  • Fatima Maria  DISSE:

    Pessoal vocês conseguem ainda baixar alguma coisa do Google Drive, parei pra pensar aqui e ja tem tempos que não baixo nada nem mesmo direto no navegador que dira usando gerenciador de download. Não estou reclamando so estou curiosa a respeito, pouco tenho conseguido baixar porque to sem computador.

    • Don Costa  DISSE:

      Boa tarde, Fatima.

      Recentemente, o servidor Google Drive passou a limitar a quantidade de downloads disponíveis para cada arquivo a cada 24 horas. E não foi só ele. Todos os servidores conhecidos mudaram ou estão mudando a política de prestação de serviços para pior, eliminando o serviço gratuito, impondo limitações de espaço ou velocidade, etc. E a situação só tende a piorar.

      Assim, recomendo que instale um gerenciador de downloads, como o JDownloader ou o Mipony, copie o link para o gerenciador escolhido e deixe-o administrar os downloads para você. Ele não burlará os limites impostos pelo Google Drive, mas pelo menos você não precisará cuidar dos downloads manualmente. Quando uma nova cota de downloads for liberada (isso poderá levar até 24 horas), o gerenciador iniciará o download automaticamente, bastando para isso que o programa esteja aberto e que o computador esteja conectado.

      Caso tenha alguma outra dúvida é só informar.

      Abraços.

  • Saci  DISSE:

    Valeu pelo Trabalho, Nunca Tive Problema em Baixar do Google drive, Quando A limitação é Só Esperar uns 3 dias Que tudo Volta ao Normal, “Quem espera sempre Alcança”

  • Fatima Maria  DISSE:

    Don Costa muito obrigado por sempre ter essa boa vontade de ajudar, junto de um conhecimento de dar inveja, tudo isso aliado a uma boa dose de humildade, nossa faz tanta diferença. Me senti ate mais feliz, tava meio desanimada hehehehe, essa quarentena so aumenta é as preocupações da gente. Obrigado!

    • Don Costa  DISSE:

      Boa tarde, Fátima.

      O Tela de Cinema tem como objetivo facilitar ao máximo o compartilhamento de arquivos via internet. Por isso, toda a equipe trabalha duro para tentar resolver os problemas que surgem constantemente e que dificultam este compartilhamento. Nem sempre é possível resolver todos os problemas, principalmente os que fogem ao alcance do site, mas mesmo nestes casos tentamos buscar alternativas para contorná-los e manter as conexões entre os colaboradores que compartilham os seus arquivos e os usuários que baixam estes arquivos.

      Mas consideramos o Tela como uma grande comunidade, cujos membros são como uma família de cinéfilos. Por isso é um enorme prazer ajudar os amigos do site, que podem contar conosco sempre que necessitarem.

      Muito obrigado pelas palavras simpáticas ao nosso trabalho.

      Grande abraço.

  • jorgebraddock  DISSE:

    O chato e que a band esta cortando as cenas de sexo o melhor do filme,se alguem puder fazer rmz com os originais,quem duvida procure em sites como xviodeos o nome original e veraol os cortes.nao sei pra que isso.

    • Don Costa  DISSE:

      Boa tarde, Jorge.

      Talvez seja porque não é permitida a transmissão de pornografia em sinal aberto em rede nacional. Somente canais pagos, com as devidas restrições (controle dos pais, senhas, etc) podem transmitir este tipo de conteúdo. E se houver realmente cenas pornográficas cortadas nestas obras, as versões integrais destes filmes também não poderão ser publicadas no site, pois o Tela de Cinema não publica pornografia. Esta é uma de nossas regras gerais.

      Abraços.

PARTICIPE DA DISCUSSÃO, MAS ANTES DE COMENTAR CLIQUE AQUI E LEIA NOSSAS REGRAS DE COMENTÁRIOS. Saiba que todos os comentários são moderados, nós nos reservamos o direto de publicá-los ou não. É proibido divulgar endereço de sites, blogs, fóruns que não sejam de parceiros ou de colaboradores do Tela de Cinema. Nós não permitimos a publicação de links de arquivos nos comentários, para colaborar acesse o menu do blog e procure pela opção COLABORE CONOSCO, ou clique aqui. Nós não recomendamos a divulgação de emails nos comentários, faça isso por sua conta e próprio risco.